Paco Bandeira: Filha de 12 anos sentiu-se mal ao recordar infância

Quarta, 01 Fevereiro 2012 13:13 | Redação

Na segunda sessão do julgamento por alegada violência doméstica, a criança de 12 anos terá sentido mau estar durante as declarações em tribunal, sobre os tempos vividos entre 1997 e 2009 com a mãe e ex-companheira do artista.

A filha de Paco Bandeira passou por maus momentos durante a segunda sessão do julgamento do cantor, no Tribunal de Oeiras, noticia o Correio da Manhã. A criança de 12 anos foi ‘obrigada’ a recordar esta terça-feira os tempos vividos junto do pai, ao todo foram 12 anos, entre 1997 e 2009.


A menina faz parte de um grupo de 12 testemunhas que vão depor contra o cantor, por alegada violência doméstica, posso de arma ilegal e maus tratos a um menor.

Processo de suicídio reaberto

A família de Maria Fernanda, que se suicidou em 1996, está a estudar a hipótese de reabrir o processo alegadamente por desconfiar que Paco Bandeira esteve envolvido na morte. A possível decisão dos familiares tem como base a informação de que Paco terá apontado uma arma a Maria Fernanda, a mesma com que a ex-mulher se suicidou.


RELACIONADOS
Partilhar