Sexta-feira, 21 Setembro 2012 17:41 | Luís Correia Neves

O Financial Times, na sua edição desta sexta-feira, afirma que o ministro espanhol das Finanças e a Comissão Europeia (CE) estão já a acertar os detalhes de um novo plano de resgate.

De acordo com o jornal Público, citando aquele diário britânico, o ministro das Finanças, Luis de Guindos, está a negociar com a CE os termos de um segundo plano de resgate, depois de concedido o empréstimo de 100 mil milhões de euros ao setor bancário espanhol. O Financial Times, porém, não identifica as suas fontes.

Espera-se que este acordo aposte nas reformas estruturais e não em mais cortes de salários e subsídios. O Governo espanhol quer, assim, evitar recorrer ao Mecanismo Europeu de Estabilidade, por temer que mais austeridade fosse imposta ao país.

Na quinta-feira foi avançado que o primeiro-ministro espanhol, Mariano Raroy, estaria a considerar a hipótese de aproveitar o que sobrasse do empréstimo concedido aos bancos, para financiar as necessidades do Estado – fugindo, desta forma, a um segundo pedido de resgate financeiro. Contudo, desconhece-se, por ora, se os parceiros europeus estarão dispostos a aceitar esta manobra inédita.


RELACIONADOS
Partilhar
Esta e outras notícias no seu e-mail, todos os dias