top canal cronicas 1

“A dieta dos 31 dias”, de Ágata Roquette – Parte II

Sábado, 27 Abril 2013 12:33 | Vera Marinho

dietaAs coisas que mais me assustam numa dieta são menus estranhos e alimentos proibidos. Em outras dietas que tentei, proibiam tudo e mais alguma coisa. Ora, a dieta ia de mal a pior e passado uma semana, ou muitas vezes em menos tempo desistia, porque não gostava da maior parte dos alimentos que mandavam comer.

Ágata Roquette ensina a comer. Além disto, e se calhar o melhor de tudo, é que dá alternativas, porque não somos obrigados a gostar de todos os alimentos. Sim, também há alimentos proibidos (com o maior índice glicémico), mas são substituídos por outras coisas. Aliás, o facto de existir o “dia da asneira” faz com que se torne mais fácil de cumprir. Podem ver este dia como o dia do desconsolo ou de recompensa pelo esforço.

Nas dietas todas que tentei, e já foram alguma, doces e sumos gaseificados ou não eram proibidos. No entanto, nesta é permitida a Coca-cola (Coca-cola 0) – maravilhoso – é o sumo que mais gosto.

Agora, deixando os meus gostos de lado é de bom tom falar em resultados. Após duas semanas sem fugir ao plano – algo de outro mundo como já expliquei em cima – os resultados apareceram na balança: menos 2.9 kg.

Concluindo, a dieta desta nutricionista dá resultado. É prática, simples de cumprir mesmo para pessoas como eu que têm tendência a quebrar constantemente as dietas.


RELACIONADOS
Partilhar
Esta e outras notícias no seu e-mail, todos os dias
Quer receber notícias interessantes?
PT Famosos
27.jpg